Dia da Espiga


O Dia da espiga ou Quinta-feira da espiga é celebrado no dia da Quinta-feira da Ascensão com um passeio matinal, em que se colhe espigas de vários cereais, flores campestres e raminhos de oliveira para formar um ramo, a que se chama de espiga(...). O dia da espiga era também o "dia da hora" e considerado "o dia mais santo do ano", um dia em que não se devia trabalhar. Era chamado o dia da hora porque havia uma hora, o meio-dia, em que em que tudo parava, "as águas dos ribeiros não correm, o leite não coalha, o pão não leveda e as folhas se cruzam". In Wikipedia
Pois... Dia da Espiga. Espiga e cereais...
Ora bem, meu anjo. Tenho tido muito trabalho aqui no Colégio e tenho escrito pouco. Estamos a encerrar o ano lectivo e é sempre assim. Mas o tio Marco mandou-me fotos novas tuas, muito bonitas, que tirámos lá em baixo nas Sesmarias em Abril. Foi um bom pretexto para voltar ao nosso blog!
Bem, em abono da verdade, desde que voltámos aos cereais (hihihi!) que ando receosa de aqui escrever. Já sabes, o de sempre... tenho medo de transformar isto num diário clínico e esse nunca foi o objectivo deste cantinho. Daqui por uns anos, ao leres estas palavras, não quero que penses que os teus 1ºs aninhos de vida foram um desassossego para mim. Isso nem sequer é verdade. Gluténs e cereais e espigas á parte, tens sido muito saudável. É bem verdade que desde que voltámos ás espigas que te noto com mais olheiras, no início mais agitada (agora melhorou) que as papas ao jantar te deixam com os intestinos ás voltas, que as fraldas já não têm hora certa (o que tem dificultado o uso do bacio e o desfralde), a consistência é muito variável e na maioria das vezes têm pedaços de comida mal digerida... enfim... Dia 27 teremos o resultado das análises ao glúten que eu e o teu paizola fomos fazer na terça-feira.
By the way, o paizola está de férias e em casa contigo! Tem sido uma consolação de avó Celeste, primo Gabriel e paizola o dia inteiro!!! Acho que andas radiante. De vez em quando sabe bem alterar um pouco as rotinas né? Mas também deves ter saudades da avó Nide...
No outro dia, no forum, havia um tópico sobre mães que gostam de exagerar um pouco as façanhas dos filhos e ontem achei piada... Será que alguém vai achar exagerado se eu disser que tu ontem deste as tuas 1ª cambalhotas??? Parecias a Nadia Comaneci!!! Eu levei, á conta disso, um belíssimo pontapé no lábio... simplesmente não estava á espera que conseguisses projectar o corpo e... pumba! A tua satisfação, a minha incredulidade, o ar divertido do teu paizola!!! Eheheh!!!
E já que falamos de proezas... bem... já não tenho noção da quantidade de palavras que dizes e empregues no contexto (as novidades):
Nhão xei (não sei)
Fio (frio)
Ratinhe (ratinho - sim, o nosso Ratatui!)
Peixinhe (peixinho)
Cão
Pão
Mão (quando pedes que te demos a mão para nos levar a qualquer lado!)
Tá bã (Está bem)
Aqui (aqui ou ali, para ti é tudo a mesma coisa: aqui!)
Bjinho (beijinho)
Abe (abre)
Fora muitas que apenas repetes quando nós as dizemos. Olha que grande tagarela que me saíste... Quem sai aos seus...hihihi!
De resto, estamos quase de fim-de-semana... QUERIA MESMO ERA ESTAR DE FÉRIAS!!!

3 comentários:

Anónimo disse...

Só consigo dizer que esta foto reflete toda a beleza da minha sobrinha... estás liiiiinda!!!! És linda!!!!!! beijos beijos beijos

Carla Caseiro | fotografia disse...

Até q enfim novidades!!! Que saudades de notícias e vossas.
A Pipoca está linda.
Eh, eh, eh cambalhotas, eu tb fico surpreendida com a quantidade de coisas q o Ruca faz e falar então..., nem te conto acho q n há nada que ele não diga.
Mas o que mais gosto de ouvir é:
- beixinho, mãe! e
- mamo-te, anto, anto, anto , q dói (Amo-te, tanto, tanto, tanto, que até doí).
Sinto-me tão, tão..., tão não sei, mas é a coisa mais maravilhosa do mundo.

Não me atrevo a contar nada disto no blog, corro o risco de ser mal interpertada, e parece q estou a impolar os feitos do Ruca.

beijocas grandes
CC & Ruca

Eli Gee disse...

Olá Carla!!!

Sim, também é bom dar notícias aqui, sinal que estou um bocadinho mais folgada aqui no trabalho... hihihi!

Bem... não percebo porque possas ser mal interpretada e porque alguém possa pensar que estás a exagerar... cada criança tem as "suas" habilidades, capacidades e nisso, cada um faz publicidade ao que bem entende! Hihihi!

Se reparares: dizem que as meninas são mais faladoras (começam mais cedo a falar) mas a Filipa não é capaz de fazer uma frase tão completa como o Ruca. Contudo, é levezita e deu-lhe para experimentar (em cima da cama) baixar a cabeça e apoiar os braços na cama para ver se conseguia mandar o corpo para a frente!!!

É mesmo assim: eles são á medida deles proprios! Escreve no blog estas coisas, um dia mais tarde tu e ele vão gostar de ler!!!

A propósito disto, vou escrever outro tópico... não posso deixar de o fazer, é um piadão, havias de ver... hihihi!

Beijocas grandes (vou passar depois nos teus blogs para ver se há novidades!)