Sweet Sixteen... Month!



Dezasseis mesinhos hoje...
Estes últimos 4 meses têm sido os melhores, acreditas?
Eu cá costumo dizer que não tenho perfil para ser mãe de bébés mas... tenho, modéstia á parte, muuuito jeitinho para crianças! Com isto quero mostrar que não sou, de feitio muito dada a embalar, embrulhar, alimentar e todos os respectivos ar's que se relacionam com bébés muito pequenos, assim de meses. Acho que por isso: passáste muito tempo sentada ao meu colo e pouco tempo no bercinho; sempre me ouviste a falar contigo como se pudesses entender tudo; sempre te passeáste de calcinhas de ganga e vestidinhos e t-shirts modernaças porque aqui a mãezola só gosta de babygrows mas para dormires quentinha e andares por casa confortável; dei vivas ao rei (salvo seja, hihihi!) quando começáste a papar de colherzinha porque, francamente, nem nos tempos de criança eu achava piada á brincadeira de dar biberons aos nenucos; sempre te deixei explorar o mundo sem receio de bichinhos e micróbios e superfícies não estéreis... Não sei ser mãe de bébécas e tu, também nunca foste bem um bébé... és muito senhorinha! Eheheh!
Saudades....? Já sinto, sim, mas destes últimos meses. Saudades dos primeiros passinhos atrapalhados. Saudades das primeiras palavras (será que é mesmo mamã, papá, avó, avô?) Saudades de ver a nossa sala de estar e cozinha devassadas pela tua curiosidade. Saudades de te ver dançar, de te ver em bicos dos pés, para cima e para baixo qual bailarina russa. Saudades de te ouvir dizer aauuu (Como faz o gato, Filipa?) ou repetir tá tá (já está!)... Saudades dos teus primeiros beijinhos repenicados nas bochechas e nos bonecos. Saudades do teu ohh! espantado quando alguma coisa te intriga ou desaparece ou cai ao chão (porque tu atiráste, marota!). Saudades de um pacote inteiro de tolhitas despejado no chão do quarto ás escondidas (como fizéste ontem!Hihihi!). Saudades de perceber que já entendes tanta coisa... Saudades...
De resto, sei que já esqueci as noites mal dormidas do 1º mês, as dúvidas com a amamentação, as intermináveis mudas de fralda e de roupa bolçada, os banhos atrapalhados dos primeiros meses, os longos passeios pela casa contigo no colo, os biberons da madrugada... não tenho jeito, confesso. Mas sei que fiz sempre o melhor que pude, desajeitado, talvez. E sempre com um sorriso nos lábios, também é verdade. Mas... vou guardar para sempre lembrança destes ultimos 4 mesinhos tãaao deliciosos....!
Bem, e só para mudar um bocadinho o registo quero que saibas que já consegui fazer um pãozinho mais decente para ti... pena e que não lhe tenhas ligado nenhuma! Bem sei que, comparado com um pãozinho de mafra estaladiço não é nada, mas... ainda não desisti de encontrar a receita mais aproximada! Vou tentando, Pipoca. E, de qualquer maneira, por muita pena que tenha de não poderes meter os dentes num bom pedaço de pão de trigo ando animada com a ideia que estás um bocadito mais gordita! Pelo menos estás de novo mais bochechuda... hihihi! Espero que sim: que esta dieta sem gluten esteja a produzir resultados. Mas agora só vamos tirar a prova dos nove na consulta de janeiro. A ver vamos, Pipoquita!

6 comentários:

Anónimo disse...

Parabens para a minha menina por mais um mesinho. Já là vão 16. Só tenhp pena de não estar mais tempo com ela, Muitos beijinhos da avó doida.

Tia Mó disse...

A tia Mó tá na fila para o pão de chocolate sem glúten da sua Pi!!

Tia Mó disse...

Ah, esqueci-me de contar um segredo: a Pineca já "nasceu"!!! Agora só dia 24 é que se vão conhecer!!

Eli Gee disse...

Oh, tia Mó!!! Que bom que a Pineca já nasceu!!! Mas... não achas melhor trazê-la já para minha casa? Não vá ela ser martinha como eu e virar a tua simpática sala de estar do avesso antes de dia 24!!! Hihihihi!!!

Beijos sem gluten para ti!

Eli Gee disse...

Bem... "martinha" não... a minha mãe queria escrever "marotinha" mas com os deditos enregelados pelo frio até lhe comeu uma letra... hihihi!

maicher disse...

chloe purse
chloe paddington handbag
chloe uk
dior
christian dior