Cólicas Endiabradas ou... as Diabruras das Cólicas!

Ontem foi dia de consulta dos 4 meses no Dr. Velho... Pois, para variar, assim que ele te agarrou pelos braços para te observar os ouvidos começáste uma gritaria daquelas que são bem o teu "estilo de género"...!!! Devo só acrescentar que está tudo optimo contigo e que a tua saúde está boa e recomenda-se... já o teu feitio... ui!!!

Isto vem, pois, a propósito dos choros. Afinal porque choram os bebés muito pequenos???

Como já te contei tu sempre foste um daqueles bebes que quando chora é de goela aberta. Ainda ontem eu e o teu pai comentávamos que tu nunca choráste como a maior parte dos recem-nascidos choram: aquele choro cadenciado, com ritmo, suportável. Ou não choravas ou berravas os trinta farrapos!!! No primeiro mês choravas muito, sobretudo de noite. Houve uma noite, tinhas tu umas 3 semanas e estávamos de férias no algarve com a tua tia Ana, que tu choravas, choravas, choravas inconsolável. A tua tia já estava "passada dos carretos", coitada, impressionada com a força daquele choro... Eu cá acho que só perdi a calma quando toda a gente á minha volta começou a perdê-la também. E explico porquê: porque eu tinha cá um feeling que não se passava nada de grave... eu sabia que querias mama (não por teres fome mas por consolo) e que a única coisa que te incomodava eram umas cólicas. Na altura, como ainda dava ouvidos a tudo o que me diziam, achava que não podia podia ter-te sempre na mama e acabava por te deixar chorar até me render ás evidências...Eheheh! No fundo eu sabia como te sossegar...


Depois, á passagem dos 2 meses, começaste a ficar mais calma. Sempre que choras é a sério, do fundo da tua alma, com vontade e raiva... mas choras menos e, na maior parte das vezes é birra!!!

Isso mesmo: um bebé de 2 meses já faz birra! Aliás, as choradeiras do 1º mês eram na sua grande maioria birras pela minha mama! Claro que as tuas avós acham que eu sou má por dizer isto: « Que disparate! Ela é tão pequenina, agora birra... são dorzinhas (cólicas, hihihi)!!!», « Tadinha da menina, tá maldispostinha...». Pois claro, ou o conceito de birra de uma avó é o de uma criancinha de 2 anos a atirar-se para o chão á porta do supermercado por causa do vigésimo ovo kinder do dia ou então não querem mesmo ver a realidade!!!

Os bebes choram muitas vezes só por chorar. Nós é que achamos que ninguém o faria. O que acontece é que nós adultos, seres dotados de linguagem verbal e capacidade de locomoção, temos muitas formas de descarregar o nosso stress diário. Eles não sabem falar, caramba, nem podem escolher ir ver um bocadinho de televisão ou fazer compras para descomprimir. Por isso choram!!! E se um bebe tem stress!!! Coitadinho, tudo é diferente da vida que conheceram nos primeiros 9 meses de vida, na atmosfera quente e aconchegante da barriga da mãe: existe barulho, luz, ora está frio ora calor, muitas vozes e estímulos diferentes, muita informação nova a processar. Eu sempre intuí quando tu choravas por sobrestímulo, mesmo que as pessoas teimassem em dizer que eram cólicas. A maior parte das vezes o choro não tem nada a ver com cólicas, ou por outra, são cólicas emocionais e não há mesmo nada a fazer senão deixar chorar. É uma tortura para os pais, principalmente para a mãe, mas... a criança precisa!

Agora, ás quartas-feiras á noite, no jantar em casa da avó Celeste e do avô Narciso, deu-te para fazer umas choradeiras valentes, daquelas que impressionam... É um choro vigoroso de quem está a ser contrariado. Provávelmente és tu a gritar: «MÃE, PAI, JÁ CHEGA, QUERO IR PARA NOSSA CASA! AQUI VOCÊS NÃO ME DÃO ATENÇÃO EXCLUSIVA!!!». A tua avó, coitada, no domingo veio com o endereço de um site onde posso adquirir um CD para aprender a identificar os choros dos bébés... agradeço a atenção e percebo a preocupação mas não é preciso. Conheço o teu choro aos kilómetros e graças a deus tens chorado muito pouco por problemas de saúde. Talvez um CD que ensinasse a acalmar-te quando te dá as fúrias... é que sossegas um bocado no meu colo mas o choro torna-se apenas menos intenso, pois quem é que diz que tu te esqueces??? Desde que nasceste que és assim: se choravas porque te despia, já estavas vestida há um quarto de hora e ainda choravas!!!

És uma leoazinha marota... mas até não me posso queixar, regra geral estás bem-disposta e divertida. Acho que só não gostas muito de vestir o casaco para sair de casa, de dividir a atenção dos pais com outras pessoas, de não estar perto do berço depois das 10h30 da noite se te der a rabujice e não houver nada que te distraia, de vestir a roupa depois de despi-la para o banho ou para mudar a fralda, de ter sono e não conseguir adormecer, enfim, pequenos nadas que são tudo na vida de uns seres pequeninos e maravilhosos como tu!!!



1 comentário:

Mó disse...

ARIÓPS!! A tia Mó recebeu uma linda birra de presente na véspera de Natal!!